jonas – Prosa

  jonas   você está sentado. numa cadeira ou no chão, você não consegue definir. você está olhando para frente, para três retângulos escuros num quadrado azul. então você conclui corretamente que o que vê se trata da reprodução minimalista de uma paisagem onde três pessoas se equilibram numa pedra cercada pelo mar. mas você não vê três pessoas. você não vê um mar. você vê três retângulos escuros. você vê um quadrado azul. você está incomodado. você procura a razão. você esfrega os olhos. você vê três retângulos escuros. certo. você vê um quadrado azul. espere. azul. certo. quadrado. certo. espere. incômodo. aí está. você encontrou a razão. há um erro aqui. o quadrado apresenta uma dimensão a mais. então você conclui corretamente que o que vê não é um quadrado. é um cubo. você esfrega os olhos. você olha para frente. você vê três retângulos escuros num quadrado azul. você está incomodado. você vê um retângulo escuro deslocar-se em velocidade constante, desprezado o atrito do ar, e sumir no quadrado azul. então você conclui corretamente que o que vê se trata da reprodução minimalista de uma ação em que uma pessoa mergulha no mar. mas você não vê uma pessoa. você não vê um mar. você vê um retângulo escuro. você vê um quadrado azul. você está incomodado. você procura a razão. você procura uma lembrança. como era mesmo a história. aí está. jonas. engolido pelo monstro. jonas. retângulo escuro. monstro. quadrado azul. certo. espere. incômodo. você esfrega os olhos. aí está. os lados do quadrado azul. e além. nada. como era mesmo a história. jonas. engolido pelo monstro. jonas. quadrado azul. monstro. nada. certo. espere. incômodo. você esfrega os olhos. aí está. você. como era mesmo a história. jonas. engolido pelo monstro. jonas. você. monstro. nada. incômodo. aí está. você encontrou a razão. você vê você deslocar-se em velocidade constante, desprezado o atrito do ar, e sumir no nada. você esfrega os olhos. você olha para frente. você vê um retângulo escuro deslocar-se em velocidade constante, desprezado o atrito do ar, e sumir no quadrado azul. você está incomodado.    

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *