Coluna Social Zagaia apresenta: Prévias tucanas! A classe artística mostrando seu bico!

O SUCESSO DA CONVENÇÃO TUCANA! EXCLUSIVO NA ZAGAIA!

A militância compareceu em massa nas prévias. Nem todas as mesas do Fazzano foram suficientes. A jornalista Eliane Catãnhede procurava sentir o olor da massa cheirosa ali reunida. Houve congestionamento nos helioportos do Itaim Bibi.

       
Militância chegando às prévias

Muita festa regada a champagne francês, vinho italiano, rum sueco e whisky escocês! Não havia espaço para o nhenhenhem nacionalista. A classe artística mandou seus representantes: Regina Duarte repetia em alto e bom som, um tanto alterada pelas champanhotas: “Aqui eu não tenho medo! P… me dá um pouco desse caviar!”

Regina Duarte e Hebe Camargo – a classe artística mandou seus representantes

Muitas estrelas do stand-up garantiam a graça da festa. Marcelo Madureira e Marcelo Tas celebravam a sintonia política do novo humor brasileiro: “estamos consolidando a parceria entre o CQC, o Casseta e Planeta e o PSDB: nasce aqui um novo projeto de Brasil!”

CQC e Casseta - unidos por um novo Brasil!

Fernando Henrique chegou acompanhado por seus filhos legítimos e ilegítimos. “É o momento de juntar todos os conhecidos para mostrar nossa representatividade nacional!” José Serra compareceu abraçado à Mônica Serra e Soninha Francine: “Este é um momento de união!”

Seguiam-no em cortejo o grupo de teatro “Os Satyros”, que não puderam participar da festa, mas foram alojados na cozinha, de onde assistiram os discursos inflamados do líder e amigo, enquanto filavam alguns quitutes. Rodolfo Garcia Vázquez, diretor da companhia, afirmou não se sentir discriminado: “Nós somos um grupo marginal. Mas também gostamos do luxo!”. Fernando Henrique, em um gesto de humildade, veio se juntar à trupe. “Eu tenho um pé na cozinha” disse o cordial príncipe da sociologia.

Satyros festejando na cozinha: “Nós somos um grupo marginal. Mas também somos do luxo!”

Começaram os discursos. Aécio Neves eufórico afirmou: “Foi uma longa carreira para chegar até aqui!” Andrea Matarazzo fez um belíssimo discurso em italiano. Seguido do presidente de honra Fernando Henrique com um francês impecável! Geraldo Alckmin pediu para que todos dessem as mãos e dançassem ao som de padre Marcelo: o hit “Erguei as Mãos” comoveu a militância. Os integrantes do grupo Satyros emocionados ameaçaram sair da cozinha para participar do êxtase coletivo, mas foram contidos pelos seguranças.

Trio Calafrio dançando ao som de Padre Marcelo "Erguei as mãos!"

Porém o melhor da festa ainda estava por vir. Em discurso emocionado o ator Carlos Vereza narrou uma viagem que teria feito ao futuro a partir de seus contatos com Ovnis:

 
Carlos Vereza: "Os seres dos outros planetas tem clareza de que o futuro é tucano!”

“Há muito tempo consegui contato com seres mais evoluídos de outros planetas. Eles me possibilitaram uma viagem para o futuro, onde pude testemunhar o enterro deste Estado comuno-sindicalista e o renascimento da ordem estabelecida! Os seres dos outros planetas tem clareza de que o futuro é tucano!” Danuza Leão neste momento conclamou todos os presentes a chacoalhar as jóias. Um barulho ensurdecedor tomou o Fazzano.

   

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *